Río: A cidade maravilhosa

Com suas praias deslumbrantes e montanhas dramáticas, com samba e bossa nova como trilha sonora, é fácil se apaixonar pelo Rio de Janeiro. Além das paisagens que misturam belezas naturais com uma cidade grande, no Rio você tem o melhor na vida diurna e noturna.

Eternizada pela música, “Gartora de Ipanema”, a região norte da cidade, que abriga o Leblon, Ipanema e Copacabana, com seus famosos calçadões continuam sendo um lugar incrível para passear, tomar sol, ver e ser visto. Porém hoje o lado norte da Barra da Tijuca também conta com uma onda diferente, muito atrativa para turistas que procuram praias mais tranquilas e uma vida noturna badalada.

 

 

Conheça aqui um pouco mais sobre esta cidade que é famosa no mundo inteiro e tem um pouco de tudo para oferecer:


 

A Barra da Tijuca

 

 

Desde as Olimpíadas em 2016, a Barra se tornou um dos maiores pontos de investimento turístico e de oferta de lazer para quem procura tranquilidade, segurança e excelentes opções de hospedagem no Rio.

Com 18 quilômetros de extensão, a Praia da Barra é a maior do Rio, mas o bairro abriga a Praia do Pepê, a mais badalada da região, em seus dois quilômetros entre o quebra-mar da Lagoa da Tijuca e a Avenida Érico Veríssimo.

Com apenas 150 metros de extensão, a Prainha está entre as mais belas paisagens da Barra. Por ser muito pequena, seu acesso é restrito e é fechada quando atinge a lotação de público. O Bairro Grumari, na Zona Oeste da cidade, também é conhecido por suas praias.

E as opções de restaurantes, bares e baladas são incontáveis, abrigando culinárias de todo o mundo.

 

Corcovado (Cristo Redentor)

 

Quando pensamos no Rio de Janeiro logo vem à nossa cabeça a imagem do Cristo Redentor. Eleito uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno, sem dúvida ele é o principal cartão postal carioca.

A estátua de 30m de altura fica no alto do morro do Corcovado (Floresta da Tijuca), a 700 metros de altitude e com uma vista de tirar o fôlego. Lá de baixo ele é visto quase da cidade toda, compondo a paisagem.

 

Pão de Açúcar

Esse teleférico parte da Praia Vermelha, faz uma parada no alto do Morro da Urca e, por fim, segue viagem rumo ao Morro do Pão de Açúcar.

A vista privilegiada da Baia de Guanabara, da Enseada de Botafogo, e de algumas praias da Zona Sul são a recompensa do passeio. Se você puder, vale muito a pena ir para curtir o pôr-do-sol lá de cima.

O bondinho proporciona um cenário em 360 graus e para onde quer que se olhe existe um cartão postal da cidade maravilhosa. Dá para curtir o visual das praias do Leme, Copacabana, Ipanema, Flamengo e Leblon.

 

Arpoador

Localizado em Ipanema, a Pedra e a Praia do Arpoador são um dos pontos turísticos mais visitados no Rio de Janeiro. Sua praia, com apenas 500 metros de extensão, é frequentada principalmente por surfistas por conta das ondas constantes.

A dica é: não deixe de subir na pedra. Dela, temos uma ótima vista das Praias de Ipanema e do Leblon, e ainda do Morro dos Irmãos. Além disso, o Arpoador é um dos melhores lugares para se curtir o pôr-do-sol no Rio de Janeiro!

 

Escadaria Selaron

A famosa Escadaria Selaron liga o Largo da Lapa ao bairro de Santa Teresa. Ela é toda decorada com mosaicos feitos pelo artista plástico chileno Jorge Selaron. Os painéis criados pelo artista foram feitos com azulejos de várias partes do Brasil e do mundo.

Uma vez lá em cima, aproveite também a Santa Teresa, que abriga um convento de mesmo nome, muitos bares, restaurantes, ateliês de artistas e ainda mais uma vista maravilhosa do Rio de Janeiro.

 

Jardim Botânico

Criado por Dom João VI, o espaço é o principal e maior Jardim Botânico do Brasil. Ele abriga cerca de 9 mil espécimes vegetais, foi tombado pelo Iphan e declarado como Reserva da Biosfera pela Unesco.

Entre suas principais atrações estão a famosa alameda de palmeiras-imperiais e o lago com vitórias-régias.

 

Estádio do Maracanã

Conhecer o Estádio do Maracanã é praticamente um passeio imperdível na cidade, principalmente se você é fã de futebol. Após passar por uma reforma, ele foi reaberto em abril de 2013 e se tornou um destino cultural e turístico, recebendo visitantes até mesmo em dias que não acontecem jogos ou shows.

Você pode se programar para fazer um tour guiado, onde é possível conhecer o gramado, as arquibancadas, o vestiário, a tribuna de honra, a sala de imprensa, o Hall da Fama – onde estão as marcas dos pés de jogadores famosos –, além do Museu do Futebol, com fotos e imagens das mais belas jogadas.

 

Lapa

O local mais conhecido na noite da cidade é o boêmio bairro da Lapa, que tem vários bares e casas noturnas. Por ali, você pode curtir os shows da Fundição Progresso e Circo Voador, dançar um samba no Rio Scenarium ou ir ao Lapa 40 graus. O Bar da Boa e o Carioca da Gema são outras boas opções de bares na região central, além do Trapiche Gamboa, uma casa de samba. Muita gente também frequenta o Amarelinho, um bar na Cinelândia, o Arco do Teles e a Rua do Ouvidor — duas boas opções para um happy hour.

 

Por: Julia Lippi Marcondes Machado

Vivee Experiences by Vidalatam CORP